Muito ainda se discute sobre a estabilidade do email marketing e há quem duvide de sua real importância nos dias de hoje. O email marketing ainda segue sendo uma das ferramentas de comunicação mais confiáveis e que geram mais conversões. Mais de 76% das empresas adotam o email marketing em suas estratégias de presença digital. 58% delas estão utilizando para relacionamento e nutrição, enquanto 42% a tornaram sua principal solução para divulgar ofertas de produtos. 

A verdade é que o email marketing oferece custo-benefício, fácil integração com outras plataformas, e recursos automatizados que tornam a ferramenta uma das melhores opções para quem tem um site ou uma loja virtual. Trata-se de uma forma ativa de anunciar o seu produto e uma das grandes vantagens desse tipo de marketing é que ele tem um retorno sobre investimento (ROI) extremamente alto e vantajoso. 

Um dos motivos para isso é a grande quantidade de pessoas que utilizam o e-mail em suas rotinas: esse ano, a previsão é que existam três bilhões de pessoas com contas de e-mail, de acordo com o Radicati Group.

O email marketing, portanto, ainda irá possuir um grande espaço numa estratégia de marketing digital. Com ele é possível estimular as vendas, aumentar as conversões e incentivar o tráfego do seu site ou e-commerce.

E para te ajudar a entender na prática todas as estratégias que cercam essa ferramenta, preparamos um passo a passo de técnicas e tendências para aplicar nas suas campanhas! 

Como vender e se relacionar usando o e-mail marketing?

Uma das primeiras tarefas do email marketing começa ainda no seu site ou e-commerce: ao integrar a ferramenta nas suas soluções digitais, é possível gerar uma base de contatos a partir de formulários, downloads de materiais, carrinho abandonado ou lista de desejos. Dessa maneira, você utiliza gatilhos de conversão para gerar leads qualificados, ou seja, segmentar pessoas que se interessaram e reagiram a um determinado conteúdo. 

Um dos principais cuidados, entretanto, é quanto às informações solicitadas. Alguns formulários solicitam nome completo, e-mail, telefone de contato e campos personalizáveis para facilitar a identificação e segmentação de uma lista de contatos.

E se você já possui um mailing list, chegou a hora explorar o potencial do email marketing e produzir campanhas para compartilhar ofertas e promoções, comunicados, newsletter e ações de vendas para datas comemorativas. 

Agora, pense no seu e-mail pessoal um instante: você realmente só abre aquelas mensagens que interessam ou chamam sua atenção, certo? É justamente isso que vamos explorar nos tópicos abaixo: como criar uma campanha de email marketing altamente eficaz!

1. Conheça seu público

Você deve saber que ter somente o nome e o e-mail de alguém, por exemplo, não significa que você conseguirá identificar os seus interesses. É importante ter informações que tracem o perfil do seu cliente para tornar a comunicação mais alinhada. Esses aspectos são vitais para a criação de listas personalizadas. Ao reunir uma gama de informações, você conseguirá reproduzir conteúdos relevantes para um grupo de pessoas em potencial para consumir e interagir com um determinado assunto. Identifique ainda quais informações são importantes possuir e adicione nos seus formulários – características demográficas, gêneros, cargos, idade, local, e interesses permitem segmentações diversas, e são os campos mais utilizados no mercado. 

Dica: não crie formulários extensos. Quanto mais perguntas você fizer ao usuário, menores serão as chances de conversão. 

Extra: a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) entrará em vigor a partir de fevereiro e estabelece que as empresas informem para quais fins serão utilizados os dados solicitados. Os usuários ainda poderão escolher se irão aceitar ou não a utilização desses dados ou ainda, se querem receber mensagens e campanhas. Adicione um informativo justificando o uso e permitindo que o usuário aceite ou não a utilização.

2. Faça um conteúdo interessante

Mesmo que você esteja apenas mostrando vantagens ou uma promoção, pensar na forma de escrever a mensagem é imprescindível para que o leitor se interesse por ela. Assim, anote algumas dicas:

  • um bom conteúdo deve transmitir a mensagem desejada utilizando palavras-chave desde o título de e-mail;
  • pequenos blocos de texto são mais interessantes do que um parágrafo muito longo;
  • frases curtas e destacadas facilitam a leitura;
  • subtítulos são importantes para atrair o leitor.

Lembre-se de adicionar um call-to-action objetivo em seu e-mail com palavras que chamem o leitor para uma determinada ação como “Comprar”, “Baixar o material”, “Visualizar” e etc.

3. Pense em um assunto cativante

Qual e-mail você abre primeiro: um que chama sua atenção logo no assunto ou que esteja com frases confusas e pouco interessantes? Certamente, você concordou com a primeira opção. Assim, ao pensar em seu assunto, algumas táticas podem ajudar:

  • utilizar a palavra-chave no início da frase ou na conclusão;
  • criar sensação de urgência. Exemplo: “você não pode perder essa oportunidade”, “última chance para ter…” etc.;
  • instigar a curiosidade. Algumas frases que fazem isso são: “nosso último lançamento vai impactar sua vida”, “você nunca viu algo assim”;
  • verbos de ação podem estimular uma execução;
  • números chamam atenção pois passam uma sensação de imediatismo;
  • personalize e adicione o nome do leitor;
4. Crie uma boa relação com o destinatário

O e-mail com foco em venda ou no preço do seu produto é, sim, muito importante ao seu negócio, mas não deve ser o único objetivo. Uma vez que se você só manda produtos ou promoções, seu cliente pode nem abrir o e-mail marketing quando não deseja comprar.

Por isso, vale a pena manter um relacionamento nos e-mails por meio do envio de conteúdos que sejam do interesse da sua base de contatos: aposte em e-books, textos com dicas, vídeos e demais conteúdos que sejam atraentes ao seu leitor.

Ao utilizar o email marketing, você consegue ainda identificar quais são as pessoas que mais interagem com as suas comunicações através de taxas de aberturas e cliques. Essas métricas são essenciais para garantir a qualidade dos seus contatos, por isso, acompanhe frequentemente e faça um cronograma para excluir as pessoas que estão inativas da sua base. Essa técnica permite a manutenção do seu domínio, evitando que ele seja rejeitado ou tenha a reputação negativa perante os servidores de e-mail. 

5. Use pessoas reais como remetente

Está comprovado: a chance de alguém abrir um e-mail contato@seudominio.com.br ou vendas@seudominio.com.br é muito menor do que se o e-mail for nomeproprio@seudominio.com.br. 

O motivo é simples: um e-mail com seu nome ou de alguém da empresa é bem mais pessoal e causa empatia no contato, aproximando-o mais facilmente. Além disso, invista em uma assinatura e utilize o nome de alguém que possa representar o tema.

E-mails que não possuem nomes reais podem ser notados como comerciais e por isso perdem espaço e diminuem o interesse dos leitores. 

6. Opte por testes A/B

Pense sempre em dois tipos de e-mails, com diferenças significantes nos formatos, antes de enviar a campanha aos endereços de sua lista. Depois, é importante analisar o quanto cada e-mail gerou de engajamento e, a partir dessas diferenças, você consegue notar as preferências do seu público.

Os testes A/B devem ser feitos com frequência e servem em diversas ações que atingem um número massivo de pessoas, como página de produtos e campanhas de publicidade.

Os testes A/B permitem que você explore diversas formas de criar um mesmo e-mail, podendo ainda utilizar listas de contatos segmentadas, ou ainda, refinar e ajustar em caso de repiques (reenvios a partir de taxas de abertura ou cliques).

7. Tenha um domínio autenticado

O terror de qualquer campanha de e-mail marketing é ir parar na caixa de spam e nunca ser aberto. Afinal, isso significa dinheiro e tempo perdidos que podem afetar sua estratégia… Uma boa solução nesse sentido é autenticar o seu domínio.

Assim, quando você tem um site e caixas postais profissionais, traz mais confiabilidade ao seu negócio e não se torna um spam. Você só precisa do CPF ou CNPJ para autenticar o seu domínio.

Esse processo torna sua empresa profissional e confiável perante os seus contatos. Você ainda poderá automatizar os envios de respostas automáticas para uma determinada caixa. 

8. Reflita sobre a quantidade

Delimite uma quantidade de envios por semana e por mês, caso contrário, sua taxa de unsubscribe (aqueles que pedem para sair da lista) pode ficar alta e comprometer a entrega das suas campanhas.

O ideal é fazer testes e sentir o engajamento provocado, porque não existe uma quantidade certeira. Em média, de duas a três vezes na semana acaba sendo o mais comum, mas tudo depende do seu público e dos seus serviços.

Dica: crie um cronograma para mapear datas estratégicas para enviar as suas campanhas e não perder nenhuma oportunidade do mercado.

Como escolher uma ferramenta de e-mail marketing

As plataformas de email marketing devem oferecer uma gestão simplificada para o dia a dia do seu negócio, principalmente se você não possuir uma equipe dedicada em comunicação. 

Existem planos mensais, trimestrais e anuais que permitem um investimento de acordo com as suas demandas. 

Uma das principais vantagens em uma ferramenta de email marketing, começa pelos recursos disponíveis. Por isso, ao escolher por uma solução, certifique-se de que de estar adquirindo uma plataforma que conta com:

  • Criador de email marketing para criar e personalizar do zero os seus e-mails, ou ainda utilizar modelos prontos, bastando inserir o conteúdo;
  • Campos personalizáveis para customizar seus envios;
  • Segmentação por interações e comportamento;
  • Formulários prontos para se integrar ao seu site ou loja, permitindo captar novos contatos;
  • Testes de envio para visualizar a aparência de suas entregas;
  • Relatório em tempo real para acompanhar suas campanhas sem complicações;
  • Suporte em português e sempre disponível;

Agora que você já sabe como potencializar suas vendas e gerar relacionamento com o email marketing, aproveite para testar o Criador de Email Marketing e descobrir quais são as funcionalidades de uma das plataformas mais utilizadas por PMEs. Você ainda garante facilidade para compor seus envios e acompanhar todos os seus resultados em tempo real. Clique aqui e faça um teste grátis na ferramenta!